orquideas

Loading...

sexta-feira, 18 de fevereiro de 2011

Jardins floridos




Há diversas maneiras de projetar e introduzir flores nun jardim. Em alguns, elas complementam; em outros, são reproduzidas em pontos estratégicos e transmitem alegria e movimento. Podem ser as estrelas principais ou coadjuvantes.
Para pessoas menos observadoras, as flores impressionam pelo colorido e abundância. Para aquelas que conseguem captar o grande presente que significam, cada detalhe é observado como uma dádiva.
As flores podem preencher canteiros, podem ser abundantes em trepadeiras que cobrem uma pérgula, podem ser colocadas em maciços ao longo de um caminho, podem preencher vasos colocados em um jardim. Porém, o que exige mais conhecimento e sutileza é quando as colocamos de forma alternada, com várias espécies, as quais nos propiciam coloridos e aromas diferenciados ao longo do ano. São jardins de maior manutenção, é verdade, no entanto traduzem uma sofisticação de alma.
Muitas vezes, a alta manutenção de um jardim fica impraticável, devido ao custo ou à falta de tempo. Por isso, para aqueles que apreciam jardins floridos, a melhor opção é utilizar floríferas mais resistentes e perenes, mescladas com outras de alto valor individual.
O fato é que a técnica, aliada ao senso estético e ao bom gosto, permite criar, a um custo acessível, jardins floridos que encantam os nossos sentidos e acalentam nosso espírito.